Bizarra, M3GAN é nova boneca de terror favorita da internet

Filme de terror chega aos cinemas brasileiros no dia 19 de janeiro

M3GAN é vivida Amie Donald no filme de terror. (Foto: Divulgação/Universal Pictures)
M3GAN é vivida Amie Donald no filme de terror. (Foto: Divulgação/Universal Pictures)

2023 terá muitos lançamentos para os amantes de filmes de terror e "M3GAN" será a primeira grande estreia do ano. O filme só chega às telonas no dia 19 de janeiro, mas já roubou o título de "boneca de terror queridinha da internet" da Annabelle.

Produzido por James Wan (“Maligno”, “Invocação do Mal” e “Sobrenatural”), o longa conta a história de Gemma (Allison Williams), uma brilhante roboticista que cria uma boneca que interage com humanos a partir de uma inteligência artificial. Após obter a custódia de sua sobrinha órfã, Cady (Violet McGraw), Gemma coloca M3GAN para cuidar da menina, mas a boneca começa a apresentar falhas no sistema e a ter atitudes inesperadas para proteger a criança.

Sensação da Gen Z

Após o lançamento do aguardado trailer, a boneca virou meme nas redes sociais e se tornou mais um exemplo de filmes que viralizaram no TikTok antes mesmo de seu lançamento. Um dos virais mostra a personagem dançando ao som de "Just Dance", de Lady Gaga, durante as filmagens.

O que mais intrigou o público foram os movimentos precisos da personagem, até que descobriram que M3GAN é vivida por uma pessoa real: a atriz, dublê e dançarina Amie Donald, que já apareceu em "Sweet Tooth", e que usou uma prótese facial para ficar com as feições da boneca.

O sucesso da M3gan entre o público mais jovem foi tão grande que o filme passou por refilmagens para se encaixar na classificação PG-13 nos Estados Unidos, liberando o público a partir dos 13 anos para conferir a história nas telonas. No Brasil, "M3GAN" ganhou a classificação indicativa de 14 anos.

Cômica e perturbadora

O diretor Gerard Johnstone contou à revista "Total Film" que as mudanças nas cenas não afetaram o tom do filme e deixou a história ainda mais assustadora. Segundo o cineasta, em uma das cenas é possível ouvir o que a boneca faz com suas vítimas, mas não assistir. Com isso, o som e a imaginação do público tornará o momento ainda mais horripilante do que era na versão gráfica.

Apesar de não ser "gore", não pense que as cenas violentas estão totalmente excluídas da versão final. Em vídeo divulgado, vemos M3GAN agarrando e arrancando a orelha de um garoto na floresta para proteger Cady.

Todas as alterações parecem ter sido positivas e além de agradar os fãs de terror, "M3GAN" também conquistou os críticos. O filme abriu nesta quinta-feira (4) no Rotten Tomatoes, site que contabiliza as avaliações dos especialistas, e debutou com 94% de aprovação. Confira o trailer oficial: