Bloco "Vai Quem Quer" canta sobre democracia

·1 min de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Bloco Vai Quem Quer, que existe há mais de 40 anos no bairro do Butantã, zona oeste de São Paulo, reuniu centenas de pessoas no final da tarde desta sexta-feira (22). Durante a fase de aquecimento, na praça Laerte Garcia, os cantores puxaram a marchinha "Ô Abre Alas" e, em dado momento, improvisaram com um coro "democraciaaaaa é quem vai ganhaaaaarrrrrrrr".

Nenhum integrante da banda pronunciou o nome de qualquer político ou candidato nas eleições deste ano. Em uma ocasião um dos cantores gritou "fora para esses milicos". Na outra, com a festa caminhando para o final, uma das líderes do bloco fez dois pedidos: tomem vacina e votem na esquerda em outubro.

Entre outras reivindicações, ela alertou para que todos respeitassem o corpo humano e frisou que não é não.

A reportagem tentou falar com três pessoas da organização do bloco, mas nenhum deles concedeu entrevista. Um músico, com trompete, disse que a imprensa não era bem vida naquele local. O outro disse que o grupo procura discrição, é avesso à publicidade e, por isso, tem o nome de "vai quem quer".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos