Casa organizada: economia de tempo e dinheiro

Saiba como manter a ordem pode facilitar a limpeza e enxugar a lista de compras.

Organização deve ser rotina desde cedo.

Você já perdeu horas procurando algum objeto ou roupa que queria usar naquela ocasião especial? Já jogou alimentos no lixo por causa do vencimento? Pior, já parou para pensar na demora para limpar a sua casa devido à bagunça? Se tudo isso incomoda, adote um hábito simples para otimizar seu tempo e reduzir gastos desnecessários: seja organizado.

Está na dúvida se o sacrifício vale à pena? Então pegue uma calculadora e comece a somar tudo o que deixou de fazer por falta de uma boa organização no seu lar. O processo de adaptação é mais tranquilo do que parece. Inicie pela cozinha, olhando a validade de todos os mantimentos e organizando o armário a partir do prazo estipulado para o consumo. Os mais antigos devem ficar sempre na frente.

Se conseguir arrumar por tipo de alimento, na hora das compras fica mais fácil lembrar tudo o que tem em casa para evitar o consumo desnecessário. A tática é a mesma para produtos de limpeza e higiene pessoal. “Organização significa economia e praticidade. Cresci com este conceito”, compartilha a comerciante Augusta Aparecida Mezanini, 53 anos.

Prático, segundo ela, é olhar dentro da geladeira e decidir, em segundos, o que fazer para o jantar. A dica é guardar refeições que sobraram em potes do tamanho exato das sobras e congelar os produtos em sacos plásticos apropriados – que também ocupam menos espaço. “Assim, fica fácil. Consigo calcular a quantidade correta que preciso cozinhar para a minha família.”

Augusta indica ainda armazenar a comida que vai à geladeira corretamente nas gavetas – indicadas para verduras e legumes – e portas – utilizada para garrafas, iogurtes ou alimentos menores. "Com tudo em ordem, consigo verificar o que precisamos consumir com mais rapidez para não estragar."

Se também precisa de agilidade no dia a dia, como a comerciante, que passa maior parte do tempo no trabalho, tente seguir o mesmo exemplo. Quando concluir, parta para a organização do quarto, especificamente do guarda-roupa. Separe suas roupas por modelo (estação climática) e cores, isso agiliza na hora de escolher uma peça.

O mesmo processo deve ser repetido com o sapato. Nunca separe o par e tente guardar na mesma posição que vem na caixa. Se o espaço é curto, ajeite um pé em cima do outro. Dica fundamental: guarde os sapatos, sandálias e botas em lugar arejado – ou deixe circular o ar sempre que possível – para evitar que embolorem.

Para deixar o banheiro em ordem, guarde todos os perfumes, cremes, toalhas e utensílios dentro do armário, cada produto separado em uma prateleira ou gaveta. Se não couber, aposte em cestas de vime que, além de organizar, decoram o ambiente. Desta maneira, vai facilitar a limpeza, já que o cômodo precisa ser lavado com mais frequência.

Quando superar esta etapa é hora de ir para o lado externo da casa. Na lavanderia, onde geralmente todas as bagunças se acomodam, reserve o espaço em um canto da parede para rodos e vassouras, além de baldes. O ideal é um armário suspenso para armazenar produtos de limpeza, que pode ser substituído por gaveteiros de plástico.

No quintal, evite aglomerar utensílios sem uso constante. A bagunça e a sujeira são um convite aos ratos, baratas ou formigas. Manter a ordem no lar não é bicho de sete cabeças. Siga a máxima: sujou, limpe. Tirou do lugar, guarde de volta. Vai notar que a organização é fundamental para manter um ambiente saudável para a sua família.

Carregando...

YAHOO NOTÍCIAS NO FACEBOOK

Siga o Yahoo Notícias