Jornalismo Wando

A torcida de Tatuí para Celsinho

Foto: Estadão

Há quem diga que o Poder Judiciário, principalmente o STF, deve estar imune às pressões de qualquer ordem, sejam elas do povo ou da imprensa.

Isso tudo até pode ser verdade, mas tem horas que temos que esquecer a técnica, a tática e colocar o coração da ponta da chuteira. No país do futebol, vale tudo para criar aquele clima de decisão de Copa do Mundo e pressionar o juiz nos acréscimos da prorrogação.

O "Brasil do bem" não pode perder pro "Brasil do mal" e o julgamento do mensalão definirá se seremos ou não um país sério. Feito esse alerta, é importante que nós da grande imprensa não fujamos do papel que nos cabe na construção de um futuro melhor. E, modéstia à parte, é o que temos feito.

A Rádio Bandeirantes deu show de jornalismo Wando essa manhã ao ir para Tatuí (SP), cidade natal do Ministro de Celso Mello, para sentir o clima da cidade em torno do voto decisivo de hoje.

Amigos do ministro, parentes e populares trouxeram dados importantes sobre o julgamento, tais como: palpites sobre o voto, a personalidade e a infância do ministro; a expectativa da cidade, da família e dos amigos. Senti falta apenas de uma entrevista com a primeira namoradinha do nosso futuro herói/vilão. A coisa fluiu de tal jeito que ouvintes mais incautos poderiam até pensar que a rádio falava sobre algum BBB em véspera de paredão.

Uma das entrevistadas, a prima, se referiu ao ministro como "Celsinho". Daí pra frente, o apresentador do "Manhã Bandeirantes" passou a chamá-lo pelo apelido de infância, tornando a entrevista ainda mais descontraída e gostosa.

É isso. Hoje é dia de decisão. Haja coração, amigo.

Descobriremos se Celsinho entrará para a história como o Ronaldo Fenômeno ou como o Felipe Melo da nação. Já até posso ouvir o Olodum tocando o hino no Pelourinho...Vai ter telão na Av. Paulista?

(dica de @rafa2you)

Carregando...

Sobre Jornalismo Wando

Jornalista da grande imprensa formado na famosa Escola Wando de Jornalismo. Exerce o ofício com afeto, cumplicidade e sem perder a ternura jamais. Comenta política e amenidades em geral de maneira leve e acrítica. É um profissional imparcial, independente e, acima de tudo, do bem. Jornalismo Wando ficou conhecido no Brasil através do site Twitter, onde trabalha até hoje como sommelier de fofuras. AVISO: contém ironia.

Siga o Yahoo Notícias