Apple aumenta seus lucros com as vendas de 47,5 milhões de unidades do iPhone 6

Por Paulo Montenegro - Não é nenhum segredo que o iPhone 6 da Apple é um sucesso de vendas; Em evento recente FY15, Cupertino reiterou o sucesso de seu último lançamento no segmento de smartphones, exibindo os resultados financeiros para o terceiro trimestre fiscal de 2015. Os resultados denotam uma excelente trajetória comercial do iPhone, fazendo as vendas de smartphones da Apple subirem de 37,5 em 2014, para 47,5 milhões de unidades, ou seja, um aumento de 35% se comparado ao mesmo período do ano passado.

Leia também:

Apesar desse aumento, houve uma queda se comparado aos dois primeiros trimestres do ano, onde o iPhone 6 conseguiu 74 e 61 milhões de vendas, mas geralmente, terceiros trimestres sempre representam uma queda de vendas para qualquer modelo, especialmente quando levamos em consideração que rumores sobre um possível novo modelo já devem circular na web constantemente a essa altura, não é mesmo?

Enquanto isso, o Apple Watch parece ser completamente o inverso; O relógio inteligente da maçã parece não ter correspondido às expectativas, tendo previsão de 60% de queda nas vendas, algo até já comentado aqui por nós em um artigo anterior, onde discorremos sobre a demanda decrescente do gadget, especialmente após o mês de Junho. O resultado abaixo do esperado fez com que a Apple não dedicasse uma atenção especial ao número de vendas do Apple Watch, colocando-o possivelmente junto da categoria “Outros” em suas próximas presentações de lucros da empresa. O Apple Music, embora não tenha dados oficiais revelados, foi mencionado pela imprensa como “um serviço de recordes históricos”, aquecendo rumores de que foi, sem sombra de dúvidas, uma ótima aposta por parte da empresa de Tim Cook.

O iPad, não apresenta muita melhora, perdendo cada vez mais sua força no mercado; Durante o segundo trimestre do ano, cerca de 10,93 milhões de unidades de iPad foram vendidas, um valor 18% abaixo do mesmo período no ano passado, apresentando uma queda de 13% nas vendas se comparado ao primeiro trimestre de 2015. No final das contas, as vendas de iDevices conseguiram render à Apple US$10.700 milhões de lucro líquido, representando um crescimento econômico significativo para a firma, que registrou cerca de US$7.700 milhões no mesmo período do ano passado.

Conheça a MobileXpert

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos