'Monstro espaguete' que 'virou Deus' é encontrado de verdade pela primeira vez

Super Incrível
 



Uma água-viva? Um peixe? Uma criatura nunca antes vista? Essa são questões que cientistas estão tentando desvendar após encontrar uma criatura nunca antes vista nas profundezas do Atlântico.

Flagrado na costa de Angola, ele ganhou o carinhoso apelido de “espaguete voador”, por conta de seus múltiplos tentáculos. Assim como a maioria dos seres que vivem nas profundezas, ele brilha bastante em seu habitat natural.

O mais curioso de tudo é que a descoberta foi feita exatamente dez anos após o animal “aparecer pela primeira vez”. Isso porque em 2005 o físico Bobby Henderson criou a Igreja do Monstro Espaguete Voador. As imagens da época impressionam pela semelhança.

A ideia de Henderson surgiu para que ele protestasse contra o ensino do criacionismo. De acordo com ele, o universo pode ser explicado de maneira completamente inteligente, sem a necessidade de um deus para explicar tudo.

Veja a imagem de 2005 e note a semelhança: