Ciência surpreende e bate recorde de distância usando teletransporte

 
 



Um recorde inesperado foi quebrado nos Estados Unidos nesta semana. Apesar de pouco divulgado, o teletransporte quântico é uma tecnologia que realiza a transferência de dados em altíssima velocidade.

 

Cientistas do Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia foram capazes de transportar um fóton por um cabo de fibra ótica por uma distância de 102 quilômetros de comprimento. O número bateu o recorde e quadriplicou o número alcançado pela Nasa em 2014.

 

Apesar de a novidade não significar necessariamente que estamos mais próximos do teletransporte de pessoas ou objetos, ainda assim o avanço representa um marco neste caminho do teletransporte, além das possíveis aplicações da técnica no campo das comunicações.

 

Os estudiosos foram capazes de reproduzir uma partícula em um ambiente remoto sem que houvesse uma interação entre elas. Esta realização é uma aproximação do desenvolvimento do computador quântico, de acordo com informações do History.

A máquina, idealmente, pode transformar para sempre a tecnologia humana e da comunicação por meio do processamento de informações complexas a velocidades incríveis.


LEIA MAIS:

Realidade virtual causa sensação no salão de eletrônicos E3
Fundador do Facebook vê um 'futuro louco' para a realidade virtual

LEIA TAMBÉM:

Águia foge de ONG e alerta moradores na Inglaterra: 'Pode matar seus filhos'
Suspeito morde policial e é imobilizado por cão treinado da PM

 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos