Ação de árvores contra poluição é 8 vezes maior do que a imaginada

Charles Nisz
Charles Nisz20 de julho de 2012

Ambientalistas sempre defendem a ideia de preservar as áreas verdes para contrapor o mar de concreto das grandes metrópoles. As plantas ajudam a absorver a maioria dos poluentes. Uma pesquisa publicada no ACS journal of Environmental Science and Technology reforça ainda mais essa ideia.

Segundo dados coletados pelo cientista Thomas Pugh e seus colegas, as árvores e outros vegetais absorvem mais do que os 5% de poluentes estimados anteriormente. De acordo com o estudo, a capacidade de absorção das plantas chega a ser oito vezes mais do que o valor que se imaginava.

Ou seja, as plantas absorvem até 40% do dióxido de nitrogênio (NO2) e até 60% das partículas sólidas no ar. Ambas as substâncias apresentam sérios riscos para a saúde humana. Grama e outras pequenas plantas são tão eficientes quanto árvores nessa tarefa, segundo o estudo. (vi no Science Daily)