BMW vai se juntar ao conselho da plataforma de direção autônoma da Baidu

Logo da BMW em roda no Salão do Automóvel Internacional em Bruxelas, Bélgica 22/01/2015 REUTERS/Yves Herman

FRANKFURT (Reuters) - A BMW assinou um Memorando de Entendimento com a gigante de tecnologia Baidu para se juntar à sua plataforma de direção autônoma Apollo como um membro do conselho, informou a BMW nesta terça-feira.

O memorando foi assinado durante uma visita do premiê chinês Li Keqiang à Alemanha.

Após anos de desenvolvimento interno, a Baidu decidiu no ano passado abrir sua tecnologia de direção autônoma para terceiros, na expectativa de que ajude a acelerar o desenvolvimento e ajude a competir com a Tesla e com o projeto Waymo do Google.

"Com a BMW Group e a Baidu juntando forças, nós podemos acelerar significativamente o alinhamento de exigências específicas e abordagens tecnológicas para transformar a visão de direção autônoma em realidade para clientes chineses muito em breve", disse o chefe de desenvolvimento da BMW, Klaus Froehlich em comunicado nesta terça-feira.

(Por Maria Sheahan)