Boeing multada em 200 milhões de dólares

Acusada pelas autoridades norte-americanas dos mercados financeiros de mentir acerca da segurança do modelo 737 MAX, a Boeing aceitou pagar uma multa de 200 milhões de dólares.

Um problema com o software de voo esteve na origem de dois acidentes com aviões da Lion Air e da Ethiopian Airlines, em 2018 e 2019, que resultaram em 346 mortos e paralisaram a frota mundial de 737 MAX durante 20 meses.