Bolívia fecha fronteiras com o Brasil; Chile e Argentina impõe restrições

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
MEXICO CITY, MEXICO - MARCH 24:  President of Bolivia Luis Arce speaks during a morning briefing at Presidential Palace as part of the official visit of the Bolivian ruler to Mexico on March 24, 2021 in Mexico City, Mexico. (Photo by Hector Vivas/Getty Images)
Anúncio foi feito pelo presidente da Bolívia, Luis Arce (Foto: Hector Vivas/Getty Images)

Preocupados com a variante brasileira do coronavírus, países da América Latina estão fechando as fronteiras com o Brasil. A Bolívia anunciou nesta quinta-feira (1º) que fechará as fronteiras com o país. A Argentina suspendeu os voos do Brasil e o Chile fechou as fronteiras para que qualquer um entre no país.

O presidente da Bolívia, Luis Arce, fez o anunciou pelas redes. “Como parte das medidas para proteger a população, determinamos o fechamento temporário da fronteira com o Brasil, por sete dias”, escreveu.

Leia também:

O fechamento entra em vigor na sexta-feira (2). Serão 3,4 mil quilômetros de fronteiras fechados entre os países, que pegam Acre, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. O governo não fez referência às fronteiras aéreas.

A decisão foi tomada após a identificação da variante P.1, conhecida como variante brasileira, ser identificada na Bolívia. “Em populações fronteiriças, onde se identificou a circulação da variante da covid-19, vamos coordenar com Entidades Territoriais Autônomas correspondentes”, explicou.

Segundo informações da Agência Boliviana de Informações, ainda há a possibilidade de governos municipais, de cidades que ficam na fronteira, liberara a passagem de pessoas para permitir atividades comerciais entre os países.

Chile fecha todas as fronteiras

Aerial view of Santiago in lockdown, on March 27, 2021, amid the COVID-19 pandemic. - Almost 16 million people, about 80% of the population, began a new quarantine in Chile due to a sharp increase in new cases of Covid-19, despite an impressive vaccination campaign. Chilean authorities have been implementing, among other measures, a selective quarantine in areas with a high incidence of infection and have placed an emphasis on controlling the pandemic by mass screening. (Photo by MARTIN BERNETTI / AFP) (Photo by MARTIN BERNETTI/AFP via Getty Images)
Com aumento dos casos, Chile decretou lockdown em toda Santiago e outras regiões do país (Foto: MARTIN BERNETTI/AFP via Getty Images)

A partir do dia 5 de abril, próxima segunda-feira, o Chile fechará todas as fronteiras por 30 dias. A medida vale para estrangeiros e também para chilenos.

O objetivo é impedir, em especial, a entrada de turistas que cheguem de países com variantes mais graves da covid-19, como o Brasil.

O Chile vive a segunda onda da covid-19 com um número alto de casos, que, desde o início da pandemia, já ultrapassou a marca de um milhão. Agora, grande parte do país está em lockdown, com o objetivo de frear a transmissão.

Argentina suspende voos do Brasil

BUENOS AIRES, ARGENTINA - MARCH 01: President Alberto Fernandez  gives his annual speech during the opening session of the 139th period of the Argentine Congress on March 01, 2021 in Buenos Aires, Argentina. The session is held with limited attendance due to coronavirus restrictions and most lawmakers participate virtually. (Photo by Natacha Pisarenko - Pool/Getty Images)
Presidente da Argentina, Alberto Fernandez, anunciou suspensão dos voos do Brasil (Foto: Natacha Pisarenko - Pool/Getty Images)

Desde o último sábado (27), a Argentina suspendeu todos os voos do Brasil, do Chile e do México. A preocupação do governo argentino é com a alta circulação da cepa brasileira, que já está também entre os chilenos.

Já estava proibida a entrada de voos do Reino Unido, também pela preocupação da variante inglesa do coronavírus.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos