Bolso pesa cada vez mais e inflação cresce como tema mais importante para o eleitor

Perpeção dos brasileiros é de que inflação aumetou no Brasil, tornando tema prioritário (Foto: Getty Images)
Perpeção dos brasileiros é de que inflação aumetou no Brasil, tornando tema prioritário (Foto: Getty Images)

Resumo da notícia

  • Com aumento de preços, tema da inflação passou a ser a prioridade dos eleitores brasileiros

  • Para 95% dos brasileiros, custo de vida aumentou no país

  • 62% dos brasileiros acreditam que inflação ainda vai aumentar nos próximos meses

A inflação passou a ser prioridade para os brasileiros. Para os eleitores, falar sobre o aumento de preços e o custo de vida é o tema mais importante a ser tratado pelo próximo presidente, ao lado da educação. É o que mostra a nova pesquisa Ipespe, divulgada nesta sexta-feira (6).

Os eleitores foram questionados: Quais desses temas você considera mais importantes para serem tratados pelo próximo presidente logo no início do governo?

A inflação e a educação aparecem em primeiro lugar, com 23% para cada assunto. No entanto, os temas estão na toada contrária. Em novembro de 2021, a questão da educação era prioridade para 30% dos eleitores, enquanto a inflação era o mais importante para 15%.

O desemprego também teve alta: em novembro, essa era a prioridade para 13% dos brasileiros e, agora, é o tema mais importante para 17%. Protagonista em 2018, o tema da corrupção apareceu como prioridade para 5% dos eleitores.

A pesquisa foi realizada no período de 2 a 4 de maio de 2022 com 1 mil entrevistados via telefone. A margem de erro máximo estimada é de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos, com um intervalo de confiança de 95,5%, e a pesquisa está registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o protocolo BR-03473/2022.

Percepção sobre a economia

Para 63% dos brasileiros, a economia está no caminho errado. Outros 32% acreditam que está no rumo certo.

Os participantes da pesquisa foram perguntados sobre o que acham da inflação nos últimos meses e 95% disseram que houve um aumento no preço dos produtos.

  • Aumentaram muito: 73%

  • Aumentaram: 22%

  • Ficaram iguais: 2%

  • Diminuíram: 1%

  • Não sabe/não respondeu: 1%

Sobre a expectativa para os próximos meses, 62% dos brasileiros acham que os preços ainda devem aumentar mais.

  • Preços vão aumentar muito: 20%

  • Preços vão aumentar: 42%

  • Preços vão ficar iguais: 21%

  • Preços vão diminuir: 12%

  • Preços vão diminuir muito: 1%

  • Não sabe/não respondeu: 4%

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos