Bolsonaro anuncia nova desoneração tributária para videogames, desta vez com o Imposto de Importação

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quinta-feira, em uma rede social, a redução do Imposto de Importação de videogames, consoles e seus acessórios. As novas tarifas passarão a valer a partir do próximo dia 1º de julho.

Morte de jornalista e indigenista: Bolsonaro diz que inglês desaparecido na Amazônia era 'malvisto na região’

Sem mala grátis: Bolsonaro veta volta do despacho gratuito de bagagem em voos

Benefício: Bolsonaro volta a falar em dobrar vale-alimentação de servidor, mas tempo curto pode inviabilizar medida

Nas importações de partes e acessórios de consoles, além de máquinas de videogame, a alíquota, atualmente de 16%, cairá para 12%. Já para videogames com telas incorporadas (portáteis ou não) e suas partes, o imposto será zerado.

O Ministério da Economia não informou o impacto da medida.

Em agosto de 2021, o governo reduziu o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) desses produtos. A queda foi de 30% para 20%. Esta é a quarta vez que Bolsonaro anuncia algum tipo de desoneração para videogames e produtos relacionados.

Segundo Bolsonaro, desde 2019, o governo vem reduzindo ou zerando impostos de produtos. Ele citou como exemplos remédios e insumos para combate à aids, ao câncer e à Covid-19, alimentos que compõem a cesta básica, combustíveis e bens de consumo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos