Bolsonaro chega em carro aberto aos gritos de 'mito' no Rio

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (PL) chegou ao Aterro do Flamengo, entre o centro e a zona sul do Rio de Janeiro, em um carro aberto, recebido por apoiadores aos gritos de "mito", nesta quarta-feira (7). Dali, está previsto que ele siga para Copacabana, onde deve discursar.

Os manifestantes se reúnem à sua espera desde a manhã desta quarta (7) próximo ao Monumento aos Pracinhas, construído em homenagem aos mortos da Segunda Guerra Mundial.

Centenas de motos aguardavam o presidente no local. Entre os presentes, há quem irá participar da motociata pela primeira vez e veteranos, como um grupo de militares que reúne bombeiros e policiais, tanto aposentados como da ativa.

"Já perdi a conta de quantas motociatas participei. Como o presidente convocou, tenho que apoiar. Sou patriota", disse um bombeiro aposentado, que se identificou apenas como integrante do clube de moto Bombas do Asfalto, de Rocha Miranda (zona norte carioca).

Outro dos amigos se identificou como ex-paraquedista e policial militar da ativa, utilizando a boina vermelha característica da brigada do Exército. "Sou patriota, é importante estar aqui", afirmou, sem dar o nome.

Já o casal Bruno Barcellos, 43, e Marli Pinheiro, 51, estava pela primeira vez em um evento do tipo. "Sou motociclista há muitos anos e acho importante estar aqui apoiando o presidente", disse Barcellos, morador de Itaboraí, na região metropolitana.

Para o lojista José Paulo Duarte, 61, também é a primeira vez. "Estou aqui pelo 7 de setembro, uma data significativa para o Brasil", afirmou.