Bolsonaro compartilha montagem ao lado de Kanye West e revolta fãs do rapper

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Presidente Jair Bolsonaro irrita fãs de Kanye West com montagem (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
Presidente Jair Bolsonaro irrita fãs de Kanye West com montagem (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) acabou comprando uma briga com os fãs de Kanye West ao compartilhar uma imagem em que, supostamente, aparecia ao lado do rapper e Elon Musk, com quem se encontrou na última sexta-feira (20).

Apesar de admitir que o registro não passava de uma montagem, o presidente aproveitou a brincadeira para se promover: "Deixando de lado os memes do zap [WhatsApp], o encontro de hoje foi de grande importância na busca de soluções para problemas estruturais do Brasil. A parceria com a Starlink finalmente levará internet para 19 mil escolas em áreas rurais ou isoladas do país", escreveu.

Porém, os fãs do rapper norte-americando não levaram a brincadeira numa boa. "É bem óbvio que é montagem, mas infelizmente tem gente que acredita e temos que desmentir", criticou um perfil dedicado a Kanye West no Twitter. "Difícil ser fã do Kanye West em 2022. O coitado já fez tanta coisa e agora que tá em paz qualquer que falam que ele fez acreditam", acrescentou outro fã. Confira:

Kanye West já apoiou Donald Trump, idolatrado por Bolsonaro

Ferrenho apoiador do ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump, Jair Bolsonaro já teve a companhia de Kanye West. Em abril de 2020, Kanye West foi capa da edição americana da revista GQ e disse que pretendia votar pela reeleição do republicano à presidência dos Estados Unidos.

"Sabemos em quem eu voto", disse, quando questionado se seria "menos sincero" sobre o seu voto dessa vez. "Não serão as pessoas ao meu redor que dirão que minha carreira terminará (por causa de Trump). Porque adivinhem: ainda estou aqui!", falou.

Ele continuou: "Disseram-me que minha carreira terminaria se eu não apoiasse com Hillary Clinton. Que tipo de campanha é essa, afinal? Qual é o sentido de ser uma celebridade se você não pode ter uma opinião? Todo mundo tem a sua própria opinião!".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos