Bolsonaro defende indulto a deputado condenado

O presidente Jair Bolsonaro argumentou nesta segunda-feira que estava libertando "inocentes", ao defender a graça concedida ao deputado federal Daniel Silveira (PTB/RJ), condenado a oito anos de prisão, e ameaçou não cumprir uma eventual decisão judicial sobre terras indígenas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos