Bolsonaro desiste de desfile de 7 de Setembro em Copacabana

Presidente Jair Bolsonaro participou de ato no 7 de Setembro em 2021, em Brasília (Foto: Mateus Bonomi/Anadolu Agency via Getty Images)
Presidente Jair Bolsonaro participou de ato no 7 de Setembro em 2021, em Brasília (Foto: Mateus Bonomi/Anadolu Agency via Getty Images)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) desistiu da ideia de realizar uma parada militar na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, no feriado de 7 de Setembro.

Segundo informação da coluna da jornalista Malu Gaspar, do jornal O Globo, ele aceitou a ideia de fazer o tradicional desfile no local de sempre: a Avenida Presidente Vargas, no centro da cidade.

A coluna do jornal já havia revelado que a cúpula das Forças Armadas e o núcleo político da campanha de Bolsonaro à reeleição estavam tentando fazer esquecer da ideia.

Ao invés do desfile militar, o ex-capitão aceitou promover um ato político “patriótico”: com as pessoas vestidas de verde amarelo e ataques ao STF (Supremo Tribunal Federal) e às urnas eletrônicas.

O anúncio do presidente de que faria um desfile militar em 7 de setembro preocupou a coordenação de campanha. Isso porque pesquisas internas contratadas mostram que o eleitor médio não gosta de radicalização e não compra o discurso de fraude.