Bolsonaro diz que dará a Zelensky a solução para a guerra na Ucrânia

Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Jair Bolsonaro (Foto: REUTERS/Adriano Machado)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse nesta quinta-feira (14) que sabe a solução para o fim da guerra entre a Rússia e a Ucrânia.

Em entrevista à CNN Brasil, o chefe do Executivo falou ainda que irá conversar em breve com o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, e que o contato para acontecer o encontro partiu do governo do país do leste europeu.

“Vou dar minha opinião a ele o que eu acho. A solução para o caso [guerra]. Eu sei como seria a solução do caso. Mas não vou adiantar. A solução do caso… Como acabou a guerra da Argentina com o Reino Unido em 1982? É por aí. A gente lamenta. A verdade são coisas que dói, machuca, mas você tem que entender. Foi ele que buscou conversa conosco”, afirmou.

“E eu disse de imediato que conversaria com ele, sim. Ele tem um país grande para administrar. Tudo que foi acordado com o presidente Putin está sendo cumprido. Da minha parte e da parte dele. Vou conversar bastante com ele [Zelensky]. É um liderança e vou dar minha opinião para ele. Essa guerra tem causado transtorno não só para o Brasil. Brasil menos. É muito mais para a Europa”, acrescentou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos