Bolsonaro diz que não tem Pix, usado por 70% dos brasileiros

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Jair Bolsonaro (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
Jair Bolsonaro (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)

O presidente Jair Bolsonaro brincou durante live nesta quinta-feira que não tem Pix, sistema de pagamento criado pelo Banco Central e que já é usado por 70% dos brasileiros. No momento, o presidente comentava uma matéria do GLOBO sobre as modalidades Pix Saque e Pix Troco, que renovou a disputa entre bancos e fintechs (as start-ups financeiras) pelas contas dos empreendedores.

— Mais de 100 milhões tem Pix no Brasil. Eu não tenho, tô afim de fazer um aí. Cai dinheiro na conta da gente de graça? Se pedir o pessoal bota? Vou fazer meu Pix aí — disse rindo enquanto brincava com seus auxiliares.

O presidente teve dificuldade de alavancar as pautas econômicas ao longo dos três anos de seu governo e não teve grandes resultados na área. Com isso, o Pix passa a ser a grande aposta como bandeira eleitoral neste ano. O presidente tem falado sobre os benefícios da ferramenta para a população, entre elas a ausência de tarifas para as transferências.

— O Pix não se paga nada. Muita coisa que você fazia pagando taxa, agora você não paga nada, e usa em qualquer hora do dia, não tem que ir no banco, faz em casa. A gente não faz isso para tirar dinheiro do banco, a gente faz isso para facilitar a vida das pessoas — disse na live.

Desenvolvido pelo Banco Central, o Pix alcançou enorme popularidade no país: em menos de um ano e meio, 109,8 milhões de pessoas já se cadastraram no sistema, além de oito milhões de empresas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos