Bolsonaro diz que respeitará resultado das urnas: 'Quem tiver mais votos leva. É a democracia'

A dois dias do segundo turno, o presidente Jair Bolsonaro (PL) se comprometeu a respeitar o resultado das urnas, mesmo se sair derrotado das urnas. A afirmação foi feita em entrevista em entrevista logo após participar do último debate com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

— Não há a menor dúvida. Quem tiver mais votos leva. É a democracia —disse Bolsonaro ao ser questionado se "sustentava" a afirmarção de quem quem tiver mais votos leva.