Bolsonaro diz que tem proposta de R$ 1 bi de sheik para transformar Angra em “algo melhor que Cancún”

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Jair Bolsonaro
    38.º presidente do Brasil
Presidente Jair Bolsonaro foi multado pelo Ibama por pesca ilegal em 2012 (Foto: Divulgação)
Presidente Jair Bolsonaro foi multado pelo Ibama por pesca ilegal em 2012 (Foto: Divulgação)
  • Presidente Jair Bolsonaro diz que tem proposta de R$ 1 bilhão de Sheik para transformar Angra em “algo melhor que Cancún”

  • Em entrevista à Rede TV!, presidente ainda reclamou das leis ambientais no local

  • Bolsonaro esteve no Golfo Pérsico neste mês

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que há uma proposta de R$ 1 bilhão de um sheik árabe para transformar a baía de Angra dos Reis, no litoral do Rio de Janeiro, em uma atração turística “melhor que Cancun”, destino túristico no México.

“Você pega a Baía de Angra, eu conheço muito bem, até já fui multado lá num dia que eu não estava lá, ali eu tenho proposta de um xeque de investir US$ 1 bilhão ali para ser transformado em algo melhor que Cancún”, disse, em entrevista gravada no último dia 19 e veiculada na quinta-feira (25) na Rede TV!.

No dia 19, o presidente havia acabado de voltar de sua viagem pelo Golfo Pérsico.

Na entrevista, Bolsonaro aproveitou para criticar as leis ambientais brasileiras porque elas atrasariam o desenvolvimento do país.

“ Tem um decreto que demarcou como Estação Ecológica de Tamoios aquela área e quem revoga decreto ambiental é uma lei, não é outro decreto presidencial, então isso está parado. Nós poderíamos estar faturando, Cancun fatura um pouco mais de US$ 10 bi por ano, a gente podia estar falando parecido com isso e não temos como ir pra frente”, afirmou.

Desde o início do mandato, o presidente fala de transformar Angra dos Reis em uma “Cancun brasileira”, sempre reclamando das regras de preservação do local.

Ele tem casa na cidade e chegou a ser multado pelo Ibama por pesca ilegal em janeiro de 2012. Em 2019, início de seu mandato, o fiscal que o multou foi exonerado.

Ainda na entrevista, Jair Bolsonaro afirmou que a Europa não deixará de comprar do Brasil por causa do desmatamento e questionou de quem eles comprariam alimentos senão do Brasil.

“Você vê ameaça na televisão, ah a Europa não vai importar mais do Brasil por causa do desmatamento da Amazônia, primeiro que é uma mentira, mas vamos supor que fosse verdade, eles vão comprar de quem seus mantimentos? Vão importar da Lua, de Marte, de Saturno? Vão importar de onde?”, disse o presidente.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos