Bolsonaro diz que 'tendência' é preço do combustível estabilizar

Daniel Gullino

BRASÍLIA — O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que a "tendência" é que o preço do combustível estabilize, após uma alta causada pelo assassinato do general iraniano Qassem Soleimani em um bombardeio americano, na última sexta-feira. De acordo com Bolsonaro, o impacto "não foi grande".

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra (21 99644 1263)