Bolsonaro lamenta morte de Pelé por meio de nota oficial

Através do documento, o presidente prestou condolências aos familiares e amigos de Pelé

Bolsonaro lamenta a morte de Pelé via nota oficial Bolsonaro lamenta a morte de Pelé via nota oficial
Bolsonaro lamenta a morte de Pelé via nota oficial

Resumo da notícia:

  • Através do documento, Bolsonaro prestou condolências aos familiares e amigos de Pelé;

  • A nota foi divulgada pela Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom), da Presidência da República;

  • O Rei do Futebol faleceu, nesta quinta-feira, aos 82 anos devido a um câncer

O presidente Jair Bolsonaro (PL) se juntou às demais autoridades públicas brasileiras e se manifestou sobre a morte de Edson Arantes do Nascimento, o Pelé. O Rei do Futebol faleceu, nesta quinta-feira (29), aos 82 anos de idade no Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

O mandatário prestou suas condolências por meio de uma nota divulgada pela Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República. O texto destaca que Pelé foi um dos maiores atletas de todos os tempos e diz que Bolsonaro faz orações pelo atleta (leia a nota na íntegra abaixo).

O ex-jogador de futebol estava internado em uma das unidades do hospital desde o fim de novembro para avaliação da terapia quimioterápica do tumor de colón constatado em setembro de 2021. Em meio à internação, ele também foi diagnosticado com infecção respiratória.

ADEUS AO REI DO FUTEBOL:

De acordo com o jornal "Folha de São Paulo", Pelé não respondeu mais ao tratamento de quimioterapia e passou a receber cuidados paliativos, com medidas para aliviar a dor e a falta de ar, sem ser submetido a terapias invasivas.

Leia a íntegra da nota de pesar divulgada pelo governo federal

O Governo Federal, por meio da Presidência da República, presta suas condolências aos familiares e amigos de Edson Arantes do Nascimento, o Rei Pelé, em razão de seu falecimento na cidade de São Paulo.

Pelé, o Rei do Futebol, foi um dos maiores atletas de todos os tempos. O único tricampeão mundial demonstrou por suas ações que, além de grande atleta, foi também um grande cidadão e patriota, elevando o nome do Brasil por onde passou.

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, roga a Deus que o receba em Seus braços e dê força e fé a toda a sua família e amigos para superar esse difícil momento.