Bolsonaro pede que população tome banho frio para economizar energia

·1 minuto de leitura
  • Em live, presidente recomentou atitudes para combater o risco da falta de energia;

  • Além do pedido de "apague uma luz em casa", o capitão sugeriu que as pessoas deixem de usar elevador;

  • Em agosto, a A Agência Nacional de Energia Elétrica anunciou reajuste da bandeira tarifária patamar 2.

Em sua live semanal, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pediu à população que tome atitudes para combater o risco da falta de energia devido à atual crise hídrica. Ele enfatizou que se não chover o país poderá ter "problemas" no futuro. Além do pedido de "apague uma luz em casa", o capitão sugeriu que as pessoas deixem de usar o elevador e tomem banho frio.

"Eu desço pela escada. Se puder fazer a mesma coisa no seu prédio, ajude a gente", disse o presidente. E enfatizou. "Quanto menos mexer com elevador, mais economia de energia nós temos. Se puder apagar a luz na sua casa, apague por favor.Leia também:

"Tomar banho é bom, mas se puder tomar banho frio, é muito mais saudável. Ajude o Brasil", pediu o líder do Executivo nacional. 

Em agosto, a A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou reajuste da bandeira tarifária patamar 2. O novo valor da taxa extra é de R$ 14,20 pelo consumo de 100 kWh, com vigência até 30 de abril de 2022. O aumento é de 6,78% em comparação ao último aumento da bandeira. Já é o segundo reajuste em dois meses.

Até agora, o valor cobrado era de R$ 9,492 pelo consumo de 100 kWh. Segundo André Pepitone, diretor-geral da Aneel, a tarifa média no Brasil é de R$ 60. Com o novo valor anunciado, a conta sobe, no exemplo, para R$ 74,20, um aumento de 6,78%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos