Bolsonaro permanece “evoluindo satisfatoriamente”, mas não há previsão de alta

·1 minuto de leitura

O presidente Jair Bolsonaro “passa bem e permanece evoluindo satisfatoriamente, com a conduta médica inalterada”, diz boletim médico divulgado no início da tarde desta sexta-feira. Não há, no entanto, previsão de alta.

Bolsonaro está internado há dois dias no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, para tratar uma obstrução intestinal.

Nesta sexta, o perfil do presidente em uma rede social postou uma foto onde Bolsonaro aparece caminhando pelo hospital, sem máscara, e sugeriu que ele teria alta em breve.

No texto, Bolsonaro agradece o apoio que tem recebido. "Em breve, de volta a campo, se Deus quiser! Muito fizemos, mas ainda temos muito a fazer pelo nosso Brasil! Obrigado pelo apoio e orações. Um forte abraço a todos!", escreveu.

Na manhã desta sexta, o presidente recebeu a visita do filho Jair Renan.

Com quadro considerado estável pelos médicos, Bolsonaro não tem a realização de mais uma cirurgia no radar. A expectativa é que se continue com o chamado "tratamento conservador".

Também nesta sexta, o ministro da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, publicou uma foto mostrando uma conversa com Bolsonaro por meio de uma chamada de vídeo no celular. Está sendo estudada a possibilidade de ser montada a estrutura de um gabinete no hospital, para que Bolsonaro possa despachar de lá.

"PR (presidente) muito bem, de volta ao trabalho e já em despacho com a Casa Civil por videoconferência", escreveu Ramos.

*Do Valor Econômico

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos