Bolsonaro recebe CEO da Huawei para discutir 5G

Foto divulgada pela Presidência do Brasil mostrando o CEO da gigante chinesa de telecomunicações Huawei no Brasil Wei Yao (D) e o presidente brasileiro Jair Bolsonaro antes de uma reunião no palácio do Itamaraty em Brasília

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu nesta segunda-feira (19), em Brasília, com o diretor-executivo no Brasil da chinesa Huawei, Wei Yao, que manifestou interesse em instalar a tecnologia 5G no país, mas não fez qualquer "proposta" concreta.

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

BAIXE O APP DO YAHOO FINANÇAS (ANDROID / iOS)

Na reunião, "não foi feita a proposta, ele apenas mostrou que quer o 5G no Brasil, mostrou apenas como está a empresa dele no Brasil", revelou Bolsonaro.

Leia também

A disputa sobre quem dominará a tecnologia 5G se tornou o ponto central da guerra comercial entre China e Estados Unidos.

O governo do presidente americano, Donald Trump, acusa a Huawei - líder mundial do 5G - de espionar para Pequim, e colocou o grupo na lista de empresas proibidas de vender produtos tecnológicos aos Estados Unidos, exceto com autorização especial.

O Brasil deve licitar o fornecimento desta tecnologia no país em 2020.

"Fiquei sabendo que tem uma empresa sul-coreana que também está em condições para operar 5G. A melhor oferta, né? A gente vai levar para o lado do quê? Oferta e conectividade. É isso aí", declarou Bolsonaro, que se optar pelo grupo chinês estará fazendo uma afronta ao seu parceiro Trump.