Bolsonaro reduz tarifa de importação de skates e instrumentos musicais de corda

O Globo
·1 minuto de leitura

BRASÍLIA - O governo reduziu nesta terça-feira tarifas de importação de uma série de produtos, inclusive skates e instrumentos musicais de corda. A informação foi divulgada pelo presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais e publicada em edição extra do Diário Oficial da União.

Segundo Bolsonaro, a tarifa sobre skates foi cortada de 20% para 2%. Já a cobrança sobre instrumentos de corta foi reduzida de 18% para 5%. O presidente não explicou os critérios adotados para escolher esses produtos.

As novas regras entram em vigor no dia 27 de abril, segundo resoluções da Comitê-Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior (Gecex).

Os documentos também tratam da redução a zero de alíquotas de produtos como soja e milho. Nesse caso, a redução vale até o dia 31 de dezembro.

As mudanças foram feitas por meio da alteração da chamada Tarifa Externa Comum (TEC), que define o Imposto de Importação cobrado nos países membros do Mercosul nas compras de produtos de países que não fazem parte do bloco.

Nos últimos meses, o governo tem adotado essa estratégia para reduzir a tributação de itens importados. Em março, o Executivo anunciou redução de 10% nas tarifas que incidem sobre produtos como celulares, computadores e máquinas usadas em indústrias, conhecidas como bens de capital.

Antes, em fevereiro, o Câmara de Comercio Exterior (Camex) anunciou uma reduçao gradual da tarifa de importação que incide sobre bicicletas, hoje em 35%. A decisao foi criticada por representantes da indústria nacional.