Bolsonaro expõe crimes de trans apresentada por Drauzio no Fantástico

Drauzio Varella e Suzy Oliveira (Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) compartilhou em suas redes sociais imagem na qual expõe os crimes da transexual Suzy Oliveira, conhecida em todo país após veiculação de matéria no 'Fantástico', da TV Globo.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Notícias no Google News

Na postagem, o presidente afirma que a Globo omitiu o fato de que o transexual estaria presa por estupro e assassinato de menor de idade. “Isso a Globo não mostra: trans abraçado pelo Dr. Drauzio no Fantástico estourou e matou menino de 9 anos”, diz o texto na imagem da postagem.

Leia também

Bolsonaro aproveitou a legenda para criticar novamente a Globo e defender punições mais fortes. “Enquanto a Globo tratava um criminoso como vítima, omitia os crimes por ele praticados: estupro e assassinato de uma criança. Graças à internet livre, o povo não é mais refém de manipulações. Infelizmente a Constituição não permite prisão perpétua para crimes tão cruéis”, afirmou o presidente.

Nesta segunda (9), Drauzio Varella se pronunciou após a repercussão da entrevista.

“Em todos os lugares em que pratico a Medicina, seja no meu consultório ou nas penitenciárias, não pergunto sobre o que meus pacientes possam ter feito de errado. Sigo essa conduta para que meu julgamento pessoal não me impeça de cumprir o juramento que fiz ao me tornar médico", afirmou.

Segundo ele, o princípio é o mesmo na televisão. "No caso da reportagem veiculada pelo Fantástico na semana passada (1º/3), não perguntei nada a respeito dos delitos cometidos pelas entrevistadas. Sou médico, não juiz”, disparou.

Confira a postagem de Jair Bolsonaro:

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.