Bolsonaro vai a Juiz de Fora pela primeira vez desde a facada

Bolsonaro fará encontro com apoiadores em Juiz de Fora (MG). (Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP via Getty Images)
Bolsonaro fará encontro com apoiadores em Juiz de Fora (MG). (Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP via Getty Images)
  • Presidente tem motociata e visita a hospital na agenda

  • Bolsonaro está acompanhado do pré-candidato ao governo de Minas Gerais

  • Adélio Bispo, autor da facada, deve passar por nova avaliação médica

Nesta sexta-feira (15), o presidente Jair Bolsonaro (PL) faz um visita a Juiz de Fora, cidade onde levou uma facada durante a campanha eleitoral de 2018. Esta é a primeira vez dele na cidade desde o ataque.

O presidente desembarcou pela manhã no Aeroporto Municipal Francisco Álvares de Assis (Aeroporto de Serrinha). Ele cumpre uma agenda no município ao lado do pré-candidato ao Governo de Minas, o senador Carlos Viana (PL), do deputado federal Daniel Silveira (PTB), do vereador de Belo Horizonte Nikolas Ferreira (PL) e do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

Ele deve participar de um passeio de moto com apoiadores, como parte das atividades da 43ª Convenção Estadual das Assembleias de Deus, e uma visita à Santa Casa de Misericórdia, onde Bolsonaro foi atendido após a facada.

Facada

O atentado contra o então candidato Jair Bolsonaro ocorreu no dia 6 de setembro de 2018. Ele participava de um ato no centro de Juiz de Fora quando foi atingido na barriga por Adélio Bispo, que foi preso ainda naquele dia.

Após a realização de inquéritos, a Polícia Federal concluiu que o suspeito agiu sozinho. Por ter sido diagnosticado com transtorno delirante permanente, ele não pode ter uma punição criminal, mas segue privado de liberdade.

No próximo dia 25, Adélio passará por uma nova perícia médica, que irá avaliar sua condição clínica para que a Justiça possa decidir se ele seguirá internado ou se será colocado em liberdade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos