Bolsonaro vira jacaré após tomar vacina em desfile das Rosas de Ouro em SP

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Personagem em alusão ao presidente virou jacaré na avenida após tomar vacina. Foto: Reprodução/ TV Globo.
Personagem em alusão ao presidente virou jacaré na avenida após tomar vacina. Foto: Reprodução/ TV Globo.

No segundo dia do desfile das escolas de samba do Grupo Especial de São Paulo, na manhã deste domingo (24), a Rosas de Ouro trouxe para a avenida um personagem do presidente Jair Bolsonaro (PL) que virou jacaré após tomar a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

O registro faz referência a uma suposição feita pelo mandatário, que em 2020 chegou a dizer que se uma pessoa optasse por se vacinar e virasse um jacaré, o problema seria dela. A declaração foi sobre o imunizante da Pfizer, que trazia como cláusula de contrato a não responsabilização da fabricante por um eventual efeito colateral da vacina.

"E na Pfizer [contrato da Pfizer] tem lá: nós [Pfizer] não nos responsabilizamos. Se eu virar um chi, se eu virar um jacaré, se você virar super homem, se nascer barba em alguma mulher, ou algum homem começar a falar fino... e o que é pior: mexer no sistema imunológico das pessoas", falou Bolsonaro à época. Ele até hoje diz não ter se vacinado.

Além da menção a Bolsonaro, o enredo da escola falava sobre rituais e caminhos para curar todos os males por meio da fé, da magia, da ciência e do samba. A Rosas de Ouro foi a sexta escola a entrar na avenida.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos