Bolsonaro visita Michelle no hospital após cirurgia estética da primeira-dama

RICARDO DELLA COLETTA
***FOTO DE ARQUIVO*** BRASILIA, DF, BRASIL, 27-12-2019 - O presidente Jair Bolsonaro cumprimenta apoiadores e fala com a imprensa do lado de fora do Palácio da Alvorada. Ele deve viajar logo mais para Salvador (BA), onde passa a virada de ano. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro visitou no hospital DF Star, em Brasília, a primeira-dama Michelle Bolsonaro, que se submeteu a uma cirurgia estética. 

Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada pouco antes das 20 horas desta quinta-feira (2), após gravar sua tradicional live pelas redes sociais. Ao final da transmissão, ele disse que visitaria a primeira-dama no hospital. 

A informação de que Michelle realizou um procedimento estético foi confirmada pelo Palácio do Planalto, mas o procedimento específico a que ela foi submetida não foi revelado até o momento.  O próprio Bolsonaro disse, no final de dezembro, que a primeira-dama passaria por uma cirurgia. Na ocasião, na entrada do Palácio da Alvorada, Bolsonaro afirmou que o procedimento era "coisa besteira".

Questionada na mesma ocasião sobre o tema, Michelle disse por sua vez não ser nada grave. Segundo um auxiliar presidencial, trata-se de um "simples procedimento estético" e de "rápida recuperação".

Em razão da cirurgia estética, a primeira-dama não acompanhou Bolsonaro para a base naval de Aratu, a 42 km do centro de Salvador (BA), onde estava previsto que o presidente passaria o recesso de Ano-Novo.

O mandatário chegou a viajar para a Bahia, mas mudou de planos na última hora e retornou a Brasília para passar a virada com a esposa. 

Em julho do ano passado, Michelle passou por uma cirurgia para correção de desvio de septo. A operação no nariz foi feita no HFA (Hospital das Forças Armadas), em Brasília, com o qual a Presidência da República tem convênio.