Bolsonaro volta a dizer que vacina não é obrigatória: "Covid veio para ficar"

·1 minuto de leitura
Presidente Jair Bolsonaro tira máscara em cerimônia no Palácio do Planalto, com a bandeira do Brasil ao fundo
Presidente Jair Bolsonaro diz que não vai obrigar ninguém a se vacinar (Photo by EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
  • Presidente Jair Bolsonaro afirmou que vírus da covid-19 veio para ficar

  • Em entrevista, nesta terça, ele disse ainda que não irá obrigar ninguém a se vacinar

  • Ao contrário do que alertam especialistas, Bolsonaro disse que pandemia "está chegando ao fim"

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta terça-feira (24), que o vírus da covid-19 veio para ficar e que não irá obrigar “ninguém a se vacinar”, apesar do avanço da variante Delta no país e do alerta de especialistas. Em entrevista a uma rádio de Alagoas, o presidente insistiu que a pandemia “está chegando ao fim”.

“Não obrigaremos ninguém a tomar vacina, esperamos que até dezembro toda a população acima dos 18 anos seja vacinada e que entremos na plena fase de normalidade no nosso Brasil”, disse.

Leia também:

Ontem, Bolsonaro afirmou que ia pedir ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para tornar o uso da máscara facultativo no país o quanto antes.

"Se bem que o Supremo Tribunal Federal simplesmente deu poderes a governadores e prefeitos para ignorarem o governo federal. ", disse o presidente, em entrevista a uma rádio de Registro (SP), na manhã de segunda.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos