Bomba GBU-43 mata ao menos 36 membros do EI no Afeganistão

Nangarhar (Afeganistão), 14 abr (EFE/EPA).- (Imagens: Ghulamullah Habibi) - Ao menos 36 membros do grupo jihadista Estado Islámico morreram no ataque perpetrado pelos Estados Unidos com a bomba GBU-43, um projétil não-nuclear considerado a mais potente do artesanal norte-americano, segundo o Ministério da Defesa do Afeganistão.

Segundo as autoridades do país, a bomba de 10 toneladas também destruiu uma grande quantidade de munições e uma importante instalação do grupo. IMAGENS EFE/EPA CEDIDAS PELO PENTÁGONO E FOTO DO ARQUIVO DO DEPARTAMENTO DE DEFESA DOS EUA. EFE TV SÃO Paulo - 15:38 GMT. Tags: eua,afeganistao,bomba,estado islamico,nomonetizar,epa,efe. Twitter: www.twitter.com/brasilefe . WEB: www.efeservicios.com . Palabras clave: Crime, law and justice-Crime-Act of terror-Politics-Defence-eua,afeganistao,bomba,estado islamico,nomonetizar,epa,efe