Polônia expulsa quatro diplomatas russos após envenenamento de ex-espião

Varsóvia, 26 mar (EFE).- A Polônia expulsará quatro diplomatas russos em resposta ao envenenamento do ex-espião russo e de sua filha em Salisbury (Reino Unido), segundo anunciou nesta segunda-feira ministro polaco de Relações Exteriores, Jacek Czaputowicz.

"Para nós, o mais importante é mostrar solidariedade com o Reino Unido neste momento, apesar de isso ter custos diplomáticos", disse Czaputowicz.

As autoridades polacas informaram hoje sobre a detenção, na sexta-feira, de um especialista em questões energéticas vinculado ao Governo polaco, acusado de filtrar informação à Rússia relacionada com a estratégia de Varsóvia para impedir a construção do gasoduto Nord Stream 2. EFE