Bombeiro morre ao fazer mudança de casa para fugir de deslizamentos em Recife

Bombeiro escorregou em terra molhada enquanto fazia mudança para escapar de deslizamentos. Foto: SERGIO MARANHAO/AFP via Getty Images.
Bombeiro escorregou em terra molhada enquanto fazia mudança para escapar de deslizamentos. Foto: SERGIO MARANHAO/AFP via Getty Images.
  • Vítima tinha 43 anos e deixa sete filhos

  • Bombeiro queria fugir dos deslizamentos que vitimaram mais de 100 pessoas em Pernambuco

  • Ele vivia com a esposa no bairro Nova Descoberta

Um bombeiro civil sofreu um acidente e morreu enquanto levava móveis para sua nova casa. Alysson Barros, de 43 anos, tinha decidido se mudar por medo dos deslizamentos causados pelas intensas chuvas da última semana e já vitimaram mais de cem pessoas em Pernambuco.

Segundo sua esposa, Fabiana Pereira, 43, o homem escorregou na terra molhada quando fazia mudança para uma casa ao lado da que moravam, no bairro Nova Descoberta. Ao portal G1, a viúva contou que eles decidiram sair da residência por medo que temporais atingissem a estrutura do imóvel. O acidente trágico ocorreu no último domingo (29).

"A gente estava fazendo a mudança porque a barreira estava em risco. A barreira do lado da minha casa caiu uma parte, mas não atingiu ninguém. A gente ficou com medo e resolveu ir para a casa da minha mãe", explicou. "A primeira coisa que ele foi carregar foi o centro. Ele também botou um vidro embaixo do braço e pegou um ferro de passar roupa. Foi quando ele escorregou e o vidro entrou no braço esquerdo dele", relatou ao portal.

Alysson acabou perfurando uma área próxima ao coração. Pessoas que estavam no local tentaram estancar o sangramento com uma toalha e chamaram o Serviço Móvel de Urgência (Samu). Quando os socorristas chegaram, no entanto, o bombeiro já estava quase sem vida.

"A minha mãe mora perto, subindo umas seis casas. Foi uma fatalidade, infelizmente. Ele deixou sete filhos de outros casamentos", afirma Fabiana. O casal estava junto há quatro anos.

Em nota nas redes sociais, o Sindicato dos Bombeiros Civis, Brigadistas e Socorristas do Estado de Pernambuco (Sibocipe) lamenta morte de Alysson, "um profissional exemplar, ser humano especial, admirado por profissionais da categoria".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos