Bombeiros combatem incêndio em prédio do Parlamento sul-africano na Cidade do Cabo

·1 min de leitura
Bombeiros combatem incêndio em prédio do Parlamento da África do Sul na Cidade do Cabo

Por Wendell Roelf

CIDADE DO CABO (Reuters) - Um incêndio no Parlamento sul-africano causou grandes danos neste domingo, fazendo o telhado colapsar e destruindo um andar inteiro, até ser parcialmente contido por bombeiros após várias horas de combate ao fogo.

Na metade da manhã, a fumaça começou a baixar em um dos vários prédios que compõem o complexo do Parlamento na capital legislativa do país, a Cidade do Cabo.

A ministra de Obras Públicas e Infraestrututra, Patricia De Lille, disse a repórteres que não há relatos de feridos. A causa do incêndio é desconhecida.

O presidente Cyril Ramaphosa disse a repórteres após avaliar parte dos danos que o trabalho no Parlamento continuará.

Ele acrescentou que "acredito que alguém está sendo interrogado agora", mas não deu detalhes.

"Parece que o sistema de sprinklers não funcionou como deveria, mas a chegada (dos bombeiros) salvou um importante patrimônio nacional de nosso Estado", disse Ramaphosa.

Jean-Pierre Smith, membro do comitê da prefeitura da Cidade do Cabo responsável pela segurança, disse que o telhado do antigo prédio colapsou e que o fogo destruiu o terceiro andar do edifício, incluindo áreas de escritórios e uma academia.

Ele também disse que o alarme de incêndio do Parlamento soou apenas quando os bombeiros já estavam no local.

O incêndio, que começou no início da manhã, foi o segundo a atingir o Parlamento em menos de um ano. Em março, houve um incêndio causado por um problema elétrico.

(Reportagem de Shafiek Tassiem e Wendell Roelf, na Cidade do Cabo, e Nqobile Dludla, em Johanesburgo; reportagem adicional de Jahnavi Nidumolu, em Bengaluru)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos