Bombeiros confirmam uma morte no desabamento em gruta de SP

·1 min de leitura

O Corpo de Bombeiros militar do estado de São Paulo confirmou, na tarde de hoje (31), a morte de uma pessoa durante o desabamento em uma gruta onde ocorria treinamento de bombeiros civis no município de Altinópolis, na região de Ribeirão Preto. Oito pessoas ainda permanecem desaparecidas.

O corpo de bombeiros retificou o nome da caverna onde ocorreu o acidente como gruta Duas Bocas – inicialmente havia informado como gruta Itambé.

Números atualizados

Os números das pessoas envolvidas no desabamento também foram atualizados pela corporação. No total, 28 pessoas participavam do curso de bombeiro civil realizado no local pela empresa Real Life Treinamentos, e não 26, como informado anteriormente. Uma pessoa foi retirada ferida da caverna (e não três, como informado pelos bombeiros inicialmente), oito ainda estão desaparecidas, uma morreu e 18 saíram ilesas.

No momento, a ocorrência é atendida por 75 bombeiros e 20 viaturas. Unidades de resgate da capital paulista foram enviadas ao local, inclusive bombeiros com cães farejadores.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos