RS: Bombeiros fazem buscas por piloto e partes de avião que caiu no Rio Guaíba

Buscas por piloto seguem no Rio Guaíba (RS) - Foto: Reprodução/RBS TV
Buscas por piloto seguem no Rio Guaíba (RS) - Foto: Reprodução/RBS TV

Equipes do Corpo de Bombeiros estão fazendo buscas pelo piloto e partes da aeronave que caiu nesta segunda-feira (3) no Guaíba, na zona sul de Porto Alegre, após decolar de Eldorado do Sul, na Região Metropolitana.

De acordo com informações, o monomotor estava ocupado somente por um tripulante. Conforme registros do radar, ele saiu de Eldorado do Sul, na Região Metropolitana da Capital, ficou de sete a oito minutos no ar e não apresentou mais sinal quando navegava em direção ao bairro Belém Novo, na Zona Sul da cidade.

Destroços do monomotor Wega 180, foram encontrados durante a madrugada desta terça (4), Luiz Cláudio Petry, de 43 anos, que pilotava o avião, continua desaparecido. O motor da aeronave está no fundo do Guaíba, cravado na areia. O ponto fica a cerca de 25 minutos da orla de Ipanema.

O piloto é um dos donos da aeronave, faria um voo curto até a região do bairro Belém Novo e retornaria para Eldorado. Os sócios e mais um piloto, que trabalham com ele, estiveram no local. A suspeita é de que houve uma pane no ultraleve.

Helicópteros, mergulhadores e embarcações atuam em conjunto para localizar o piloto. Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, a aeronave estava em situação regular.

As asas, a cabine do piloto, o motor e um pedaço da parte traseira da aeronave, que estava ligada a um cabo de aço encontrados na madrugada, serão levados pelos proprietários para investigar o que aconteceu e apresentar ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).

De acordo com o aplicativo que identifica as rotas dos voos conforme a identificação das aeronaves, Flight Radar, que identifica as rotas dos voos conforme a identificação das aeronaves, o ultraleve teria realizado um voo curto, entre 17h45min e 17h51min, partindo da pista de Fazenda Jacuí, em Eldorado do Sul, e desaparecendo entre a região dos bairros Ponta Grossa e Belém Novo, em Porto Alegre, quando teve uma queda brusca e perdeu o contato com a base.