Boninho elogia trajetória de Ariadna, em 'No limite' e no 'BBB', e ela agradece

·1 minuto de leitura

Terceira eliminada de "No limite", Ariadna já fez história no programa, já que foi a primeira mulher trans entre os participantes. A cabeleireira também marcou a história do "Big Brother Brasil" pelo mesmo fato. Reconhecendo o peso da representatividade e da entrega da ex-confinada, Boninho, diretor da Rede Globo e responsável por estes reality shows, não poupou elogios a ela.

"Ariadna, menina, você foi corajosa no 'BBB' e uma lutadora em 'No limite'. Agradeço muito todo o seu carinho, a força e sua garra! Um grande beijo e respeito", escreveu o marido de Ana Furtado no Instagram.

Feliz com o reconhecimento, Ariadna agradeceu por ter sido escolhida por Boninho por duas vezes para fazer história nos reality shows da TV Globo.

"Obrigada meu diretor! Só tenho a agradecer minha trajetória em seus reality shows brilhantes", comentou a eliminada.

A eliminação de Ariadna

Neste terceiro episódio, a prova de imunidade foi de resistência em grupo. Eles precisavam segurar sacos de 5kg acima do ombro. Os participantes que desistiam precisavam passar o peso para outro colega. Quando algum peso caia, a equipe era eliminada. Marcelo Zulu e Gui Napolitano foram os primeiros a deixarem a prova, ambos da equipe Carcará. Depois disso, Lucas Chumbo acabou deixando cair um dos três sacos que carregava.

No portal, na hora da eliminação, Ariadna recebeu sete votos.

"Obrigada, foi lindo e tenebroso o que a gente viveu. Não se culpem por eu estar saindo, faz parte do jogo e eu quero vocês vencedores. Eu estou feliz de ter entrado em uma equipe incrível", agradeceu Ariadna.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos