Borja é provocado em jogo da seleção: “Vai jogar a Série B”

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Borja discutiu com Neymar no fim da partida em Itaquera. Foto: Nelson Almeida/AFP via Getty Images
Borja discutiu com Neymar no fim da partida em Itaquera. Foto: Nelson Almeida/AFP via Getty Images

Não bastasse a derrota da seleção colombiana, por 1 a 0, que carimbou o passaporte do Brasil para a Copa do Mundo do Catar, o atacante do Grêmio Miguel Borja sofreu com os torcedores brasileiros.

O atacante que só entrou no segundo tempo da partida, escutou os torcedores presentes na Neo Química Arena projetarem o rebaixamento do Grêmio para a segunda divisão. “Arerê, o Borja vai jogar a Série B”, gritaram os torcedores para o jogador emprestado pelo Palmeiras.

Leia também:

Borja desfalcou o Grêmio na vitória contra o Fluminense e ainda fica de fora dos confrontos com o América-MG (fora) e Bragantino (casa). O atacante volta a ficar disponível diante da Chapecoense, no dia 20, fora de casa, pela 34ª rodada.

Foi contra a Chape, no turno, que o colombiano estreou e marcou o primeiro gol pelo tricolor gaúcho, na vitória por 2 a 1, em cobrança de pênalti. O atacante gremista balançou as redes em quatro oportunidades no Brasileirão.

Colômbia seca Uruguai para seguir na zona de classificação

A derrota para o Brasil deixou a Colômbia ameaçada nas Eliminatórias Sul-Americanas. Com 16 pontos em 13 partidas disputadas, a seleção comandada por Reinaldo Rueda, vai secar o Uruguai que recebe a Argentina, nesta sexta-feira, em Montevidéu.

Caso o Uruguai vença, vai a 19 pontos, pulando para a quarta colocação. Nesta situação, a Colômbia ficaria na sexta posição, fora até mesmo da possibilidade de jogar a repescagem.

Os colombianos voltam a campo na próxima terça-feira, quando recebem o Paraguai, no Estádio Metropolitano Roberto Meléndez, em Barranquilla.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos