Botafogo: Insatisfeito, Honda pede para deixar o clube antes do fim do contrato

Extra
·1 minuto de leitura

A passagem de Keisuke Honda pelo Botafogo está perto do fim. Embora tenha renovado com o clube até o fim do Brasileiro, o japonês solicitou a rescisão do vínculo. A informação é do site ge.

De acordo com o site, ainda haverá uma conversa entre o meia e o departamento de futebol. Mas o presidente eleito, Durcesio Mello, já foi comunicado da decisão do jogador.

Honda pede para sair no momento em que os alvinegros atravessam uma grave crise técnica e financeira. Em penúltimo no Brasileiro, com 23 pontos, o Botafogo está a cinco do 16º colocado, o primeiro fora da zona do rebaixamento. As estatísticas já colocam o clube com mais de 90% de risco de queda para a Série B.

Insatisfeito com o momento do clube e com as decisões que vem sendo tomadas pela diretoria, o japonês não atua desde o dia 19, na vitória sobre o Coritiba. A previsão é de que ele retorne apenas nas últimas partidas do campeonato, o que só aumenta sua insatisfação.

O anúncio oficial da saída deve ser feito nos próximos dias. Com proposta do futebol europeu, Honda precisa resolver sua sitruação com o Botafogo até o início de janeiro. Ao todo, foram 27 jogos e três gols com a camisa alvinegra.