Boulos afirma que declaração sobre Previdência foi tirada de contexto

CRISTINA CAMARGO
·1 minuto de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 17.11.2020 - O candidato à Prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos (PSOL), faz caminhada pela avenida M'Boi Mirim, acompanhado do vereador Donatto (PT). (Foto: Marlene Bergamo/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 17.11.2020 - O candidato à Prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos (PSOL), faz caminhada pela avenida M'Boi Mirim, acompanhado do vereador Donatto (PT). (Foto: Marlene Bergamo/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em vídeo divulgado nas redes sociais, Guilherme Boulos (PSOL) afirmou que não defende a realização de mais concursos públicos para sanar o déficit da Previdência municipal e que sua declaração em sabatina do jornal O Estado de S. Paulo foi tirada de contexto.

"A maneira como me expressei e tirada do contexto da pergunta pode ter levado a crer nisso, o que não é minha posição", disse.

No vídeo, o candidato afirma que respondeu a uma pergunta sobre concursos públicos em uma situação de déficit da Previdência. "Sabe por que a Previdência do serviço público se torna deficitária? Porque não se faz concursos. Para a Previdência se equilibrar, você tem que ter gente contribuindo, não só gente recebendo", disse Boulos.

"Então você tem mais gente se aposentando, virando inativo para receber na Previdência, e, como não se faz concurso, você tem menos gente contribuindo para a Previdência pública. Fazer concurso é uma forma de arrecadar mais para a Previdência pública e equilibrar a conta com os inativos", completou, na ocasião da sabatina.

Segundo ele, o argumento, na verdade, é que não faz sentido do ponto de vista contábil usar o déficit para não realizar concursos, pois os servidores passariam a contribuir também.

"Eu não defendo que a forma de equilibrar a Previdência seja através de novas contratações", garantiu, em vídeos nas redes sociais.

Boulos disse ainda esperar que o debate no segundo turno das eleições em São Paulo seja feito sem sensacionalismo e distorções.