Brasil estreia na Copa do Mundo com 1º uniforme estampado: onça-pintada representa 'garra brasileira'

Já faz tempo que moda e esporte caminham juntinhos, de braços dados. Modelos, cores, estampas, o design da gola, das mangas… Elementos de um uniforme que imprimem significados, passam mensagens, e refletem a essência e a história de um país. Nesta quinta-feira, às 16h, o Brasil estreia na Copa do Mundo contra a Sérvia, vestindo pela primeira vez uma amarelinha marcada pela estampa da onça-pintada, animal que é símbolo da biodiversidade nacional. A versão azul também conta com o detalhe.

O novo uniforme da Seleção Brasileira masculina foi revelado pela Nike e Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no início de agosto deste ano. A nova coleção buscou simbolizar a "garra brasileira", a resiliência, mantendo viva a máxima de que brasileiro não desiste nunca. Além de ser um animal muito presente no Brasil, a onça-pintada também representaria o estilo de jogo do time: ofensivo, feroz e criativo.

A pesquisadora e analista de moda Paula Acioli sintetiza que "a Copa do Mundo é a Semana de Moda do futebol internacional". Em relação ao novo uniforme do Brasil, ela elenca a estampa como o principal destaque, não só pelo que a onça-pintada representa, mas pelo "ar futurista" do detalhe. A especialista também opina sobre outros elementos presentes nas camisas.

— Continuamos com a tradicional amarelinha, em detalhes em verde, e com a azul. A modelagem está mais ajustada, algo que já vinha sendo adotado nas duas últimas edições do mundial. As golas, com design mais minimalista, dão o tom de elegância — avalia.

Manu Carvalho, stylist e consultora de moda, faz um retrospecto de alguns uniformes usados pela seleção em mundiais passados e avalia que houve evolução no modelo deste ano, mas sem perder o DNA e elementos vitais da marca.

— É aquela coisa de evoluir e ao mesmo tempo manter a tradição. Fomos vendo mudanças de pequenos detalhes, como nas golas, nas mangas e ainda com linhas criando desenhos internos, com pequenos “movimentos”. Achei a camisa muito bonita, finalmente original — comenta a especialista, que ainda acrescenta:

— Muito legal essa associação com a natureza e com o mundo animal também, até porque a onça é mais associada à moda feminina. Então, ainda mais nesse momento de tanta questão em torno de gênero, achei importante a camisa da seleção trazer essa inspiração.