Brasil registra 1.288 novas mortes por Covid-19 e total atinge 237.489

Gabriel Araujo
·2 minuto de leitura

Por Gabriel Araujo

SÃO PAULO (Reuters) - O Brasil registrou nesta sexta-feira 1.288 novos óbitos em decorrência da Covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 237.489, informou o Ministério da Saúde.

Também foram notificados 51.546 novos casos de coronavírus, com o total de infecções confirmadas atingindo 9.765.455, acrescentou a pasta.

A contagem diária de casos divulgada pelo governo não supera a marca de 60 mil desde 28 de janeiro --o patamar foi ultrapassado com frequência ao longo do mês passado. Os números diários de óbitos, no entanto, seguem na casa do milhar.

Passando por uma nova onda da pandemia, o Brasil é o segundo país com maior número de mortes por coronavírus no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, e o terceiro em casos, abaixo dos EUA e da Índia.

Estado mais afetado pela doença em números absolutos, São Paulo atingiu as marcas de 1.901.574 casos e 55.971 mortes. O secretário de Saúde local afirmou nesta sexta que, caso medidas restritivas não tivessem sido impostas ao longo da pandemia, o Estado teria enfrentado um colapso do sistema de saúde.

"Se nós não tivéssemos instituído um regramento --para muitas das regiões até de uma forma muito mais robusta, muito mais austera--, sem dúvida nenhuma nós estaríamos com um colapso no nosso sistema de saúde em todo o Estado", disse Jean Gorinchteyn em entrevista coletiva.

Conforme os dados do Ministério da Saúde, Minas Gerais é o segundo Estado com maior número de infecções pelo coronavírus, com 798.711 casos, mas o Rio de Janeiro é o segundo com mais óbitos contabilizados, com 31.283 mortes.

A pasta ainda contabiliza 8.678.327 pessoas recuperadas da Covid-19 e 849.639 pacientes em acompanhamento no país.