Brasil registra 1.454 novas mortes por Covid-19 e total supera 470 mil

·2 minuto de leitura
Manaus

SÃO PAULO (Reuters) - O Brasil registrou nesta sexta-feira 1.454 novos óbitos em decorrência da Covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 470.842, informou o Ministério da Saúde.

Também foram contabilizados, de acordo com a pasta, 37.936 novos casos de coronavírus, com o total de infecções no país avançando para 16.841.408.

As cifras diárias desta sexta ficam abaixo das médias normalmente registradas, já que tende a ter um represamento de testes aos feriados --como na véspera, quando foi comemorado Corpus Christi.

O Brasil possui o segundo maior número de mortes por Covid-19 no mundo, abaixo apenas dos Estados Unidos, e a terceira maior contagem de casos confirmados de coronavírus, atrás dos EUA e da Índia.

O boletim InfoGripe, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), indicou nesta sexta-feira que há um "cenário preocupante no país". Conforme análise da semana epidemiológica de 23 a 29 de maio, a maioria dos Estados está em situação de retomada do crescimento ou em estabilização com níveis ainda muito elevados de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e Covid-19.

No período, apenas Roraima apresentou sinal de queda, de acordo com a entidade, que acrescentou que a interrupção da queda e a retomada do crescimento nos índices podem ser atribuídas, em parte, à maior circulação da população.

"Recomendamos cautela em relação às medidas de flexibilização das recomendações de distanciamento para redução da transmissão da Covid-19 enquanto a tendência de queda não tiver sido mantida por tempo suficiente para que o número de novos casos atinja valores significativamente baixos", disse em nota o coordenador do InfoGripe, Marcelo Gomes.

Estado brasileiro mais afetado pela Covid-19 em números absolutos, São Paulo chegou nesta sexta às marcas de 3.338.262 casos e 113.474 mortes.

Minas Gerais é o segundo Estado com maior número de infecções pelo coronavírus registradas, com 1.610.983 casos, mas o Rio de Janeiro é o segundo com mais óbitos contabilizados, com 51.419 mortes.

O governo federal ainda reporta 15.239.692 pessoas recuperadas da Covid-19 e 1.130.874 pacientes em acompanhamento.

(Por Gabriel Araujo)