Brasil registra 68,4 milhões de inadimplentes, nono recorde consecutivo

O Brasil registrou 68.388.049 inadimplentes em setembro, nono mês de recordes consecutivos, de acordo com a Serasa Experian. A alta, em relação a agosto, foi de 420 mil pessoas, já que antes eram 67,97 pessoas com dívidas em atraso.

Ao todo, em setembro, as pessas acumulavam 240.885.530 dívidas, somando R$ 295.738.608.945,33 em atraso. Isso representa R$ 4.324,42 de dívida por pessoa, em média. A maioria das dívidas eram com bancos e cartões (29,45%), depois em utilities (21,86%) e varejo (12,38%).

Mesmo em queda leve nos indicadores do país, o desemprego ainda é considerado o principal motivo de endividamento, apontado por 29% dos entrevistados pela Pesquisa da Serasa"Perfil e Comportamento do Endividamento Brasileiro". Na sequência, aparece a redução na renda própria (12%).

Há ainda 11% de endividados que creditam o problema a terem emprestado seus nomes para amigos, conhecidos, colegas ou parentes, que não honraram os compromissos financeiros assumidos.

Feirão ajuda a sair da inadimplência

Até 5 de dezembro, é possível renegociar as dívidas com até 99% de desconto no Feirão Serasa Limpa Nome, por meio dos canais digitais da empresa e nas mais de 11 mil agências dos Correios pelo país.

Presencialmente, deve ser paga uma taxa de R$ 3,60 para o atendimento. Virtualmente, o serviço sai de graça. É possível pagar via Pix e ter a baixa da negativação em até 24 horas.

Site: http://www.serasalimpanome.com.br

App: Serasa no Google Play e App Store

Ligação gratuita: 0800-591-1222

WhatsApp: (11) 99575–2096