Brasil tem 150.106 novos casos de Covid-19; disparada reflete registros represados no RJ

·1 minuto de leitura

BRASÍLIA (Reuters) - O número de novos casos de coronavírus registrados no Brasil deu um salto neste sábado, somando 150.106, com os dados inflados pela computação de 92.614 casos antigos da doença no Rio de Janeiro cujas notificações ficaram represadas desde o ano passado, informou o Ministério da Saúde.

O número de novas mortes por Covid-19 somou 935.

Em nota, a Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro (SES) afirmou que precisou ajustar sua base de dados após mudanças definidas pelo ministério no sistema federal para notificação de casos de Covid.

"A SES reforça que não se trata de casos ocorridos nas últimas 24h, mas (de casos) que não estavam sendo visualizados devido à alteração do sistema federal. Desses registros, 62% correspondem ao ano de 2021", disse a secretaria.

O ministério informou, ainda, que as novas notificações de casos e mortes registradas neste sábado pelos Estados do Rio e de São Paulo abarcam as últimas 48 horas.

O Rio de Janeiro registrou neste sábado um total de 105.700 novos casos --que englobam os 92,6 mil represados-- e 371 mortes. Na quinta-feira, último dia em que os dados haviam sido atualizados, foram notificados 997 casos pelo Estado e 177 mortes.

São Paulo, Estado com o maior número de casos e óbitos pela Covid, registrou 25.034 novos casos neste sábado.

O governo federal ainda reporta 359.523 pacientes de

Covid-19 em acompanhamento.

(Por Isabel Versiani e Rodrigo Viga Gaier)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos