Brasileira presa na Tailândia por tráfico de drogas é condenada a 9 anos de prisão

Em fevereiro, brasileira foi detida com cocaína no aeroporto Bangkok (Getty Creative)
Em fevereiro, brasileira foi detida com cocaína no aeroporto Bangkok (Getty Creative)
  • Brasileira foi detida com 9kg de cocaína

  • Advogada considerou a pena muito positiva

  • País flexibilizou leis sobre tráfico em 2021

Mary Hellen Coelho Silva, de 21 anos, foi condenada nessa quarta-feira (11) a nove anos e seis meses de prisão na Tailândia por tráfico internacional de drogas.

Em fevereiro, ela e um outro brasileiro foram detidos com 9kg de cocaína. A droga estava escondida dentro de um compartimento oculto das três malas que eles carregavam. Mais seis quilos foram encontrados com outro suspeito, que foi preso horas depois.

De acordo com a advogada Kaelly Cavoli Moreira, que representa a brasileira, a equipe de defesa ainda aguarda o recebimento da sentença completa, mas a decisão foi bem recebida.

“A gente teve uma pena muito positiva, melhor do que a gente esperava. Nós estávamos contando com 50 anos de prisão, mas já tínhamos descartado a pena de morte e a prisão perpétua. Estamos caminhando para uma pena humana, o mundo precisa disso”, declarou Kaelly ao portal G1.

Desde o fim de 2021, a lei contra o tráfico de drogas mudou na Tailândia. Conforme nova legislação atual, a pena máxima para o tráfico de cocaína no país é de 15 anos de prisão.

Morte da mãe

Em abril, a mãe de Mary Hellen morreu em Pouso Alegre, Minas Gerais, vítima de câncer. Thelma Coelho Silva lutava contra a doença há anos.

Kaelly explicou, na época, as dificuldades em manter contato com a cliente na prisão e de como ela iria contar sobre a morte da mãe.

"A Thelma, lutou com todas as forças para tentar ver a filha. Em razão do fuso horário é possível que o contato seja feito após o enterro. Já encaminhamos um e-mail para a embaixada e também estamos tentando contato com o Samut Prakan [a prisão em que se encontra Mary Hellen] para darmos a notícia de maneira mais respeitosa e sensível. Sem sucesso até o momento, acredito que em razão do fuso horário", disse a advogada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos