Brasileiro negro é encontrado morto nos EUA após denúncias de racismo

·1 minuto de leitura

Anderson Sodré, jovem negro e brasileiro, de 26 anos, foi encontrado morto, nesta quarta-feira, em seu apartamento em San Francisco, estado da Califórnia, Estados Unidos. influenciador digital, ele denunciou episódios de racismo no país da América do Norte.

Conhecido como Ander Jackson na web, ele era de Sorocaba, interior de São Paulo, e ficou famosos por produzir vídeos engraçados na internet, possuindo mais 116 mil seguidores no Instagram.

Desde dezembro de 2018, o rapaz trabalhava e morava nos Estados Unidos. De acordo com os os familiares, uma amiga de Anderson soube da morte e passou o contato dos parentes para as autoridades do país.

No momento, segundo o Portal G1, a família do jovem está tentando trazer o corpo para o Brasil e realizar o sepultamento em Sorocaba, cidade onde o humorista nasceu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos