Bruna Linzmeyer nega venda de sofá destruído e dono verdadeiro aumenta preço após 'publicidade gratuita'

·1 minuto de leitura

Bruna Linzmeyer está vendendo um sofá destruído? Parece que não. Após Bruna publicar um vídeo negando a venda de seu sofá e esclarecendo que o anúncio que está rodando as redes não é seu, os verdadeiros donos do móvel aproveitaram a publicidade gratuita para aumentar o seu preço: antes da repercussão, a peça poderia ser comprada por R$ 1200, hoje os interessados teriam que desembolsar R$ 20 mil.

Entenda o caso

Nesta semana, um anúncio de um sofá descrito como "Destroyed, para um visual desgastastado e autêntico" viralizou na internet como sendo da atriz. Devido ao seu estilo mais livre e suas diversas declarações sobre gostar de sua casa em um estilo mais rústico, os internautas acreditaram realmente pertencer a ela. Na última quarta-feira, dia 19, ela negou a informação através de um vídeo publicado em seu Instagram.

"Eu não tô vendendo sofá nenhum não, ok? Meu sofá lindo e maravilhoso está bem aqui. Destroyed, vintage, e vai continuar aqui porque é meu", disse ela enquanto ria da situação e mostrando o seu verdadeiro sofá.

O anúncio virou alvo de brincadeiras nas redes sociais: